O Brasil compete com ele mesmo

by

Sendo o único candidato para sediar a copa de 2014, o Brasil está com a faca e o queijo na mão

Por Luciano Franklin

          O esporte brasileiro se desenvolve cada vez mais; uma grande prova desse desenvolvimento foi a realização dos jogos pan-americanos efetivados no Brasil. “Os resultados sem precedentes obtidos pelos atletas brasileiros nos Jogos Pan-americanos são frutos da ampliação dos investimentos públicos no esporte nacional nos últimos anos”, disse o ministro do Esporte, Orlando Silva Jr., para cerca de 50 jornalistas brasileiros e estrangeiros em entrevista coletiva realizada no Rio de Janeiro deste ano. O grande sucesso do Pan- americano abriu as portas e fortaleceu a candidatura do Brasil para a Copa de 2014. A Copa do mundo é o segundo maior evento desportivo do mundo, ficando atrás apenas dos jogos olímpicos.
          Em 7 de março de 2004, a FIFA anunciou que a copa do mundo aconteceria na América do Sul, sendo coerente com sua política de rodízio entres as confederações continentais no direito de sediar uma copa. Um ano antes, a confederação sul-americana de futebol já havia anunciado que Argentina, Brasil e Colômbia se candidatariam para sediar o evento futebolístico. Também em Março de 2004, a confederação Sul-americana de futebol(CONMEBOL) votou de forma unânime pela adoção do Brasil como seu único candidato à copa. O dia 7 de Fevereiro seria a data final para as inscrições, porém a FIFA antecipou o prazo, tendo este encerrado em 18 de dezembro de 2006. Agora oficialmente o Brasil é o único candidato à copa de 2014 devendo cumprir apenas as exigências determinadas pela FIFA. A competição poderá ser realizada em outro país da América, se o Brasil não cumprir com as normas determinadas. Os Estados Unidos e o Canadá já mostraram interesse em sediar o evento caso o Brasil seja reprovado.
         Uma das 18 cidades para sediar a copa de 2014 é a capital federal, Brasília, cuja candidatura foi lançada pelo o governo Arruda. Brasília é uma cidade muito bem estruturada e poderia ser a sede principal do evento. Mesmo sendo muito díficil o Distrito Federal ser a sede principal, os brasilienses acreditam em transmitir a abertura e a final das partidas. A estudante de Direito da Universidade de Brasília, Ana Maria, acredita que o evento só trará benefícios a cidade e ao Brasil. “A copa é muito bem vinda, gera lucros ao país com o turismo e o dinheiro injetados aqui, o esporte cresce e nada mais divertido e justo que o próprio país do futebol sediar uma copa” declara a estudante. Entretanto, entre toda a euforia dos brasileiros, há aqueles que não acreditam que a copa trará tantos benefícios assim. Segundo João Paulo estudante de Letras da Universidade Católica de Brasília, o Brasil não possui redes tão eficientes de hotelaria, a maioria dos estádios não estão aptos para receber tal competição, que levará aos políticos superfaturar nas obras e não sabe como a população reagirá com uma copa aqui. ” Se o Brasil já pára quando tem uma copa, imagine se ela acontece aqui”comenta João.
          Ainda não se sabe ao certo se o Brasil será mesmo o país a sediar a copa de 2014, mas isso só depende dele pois o futebol brasileiro está com a bola da vez.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: